Até parar de empurrar

/
0 Comentários

Quando vc diz "não adianta tomar vitaminas sem fazer exercícios" as pessoas nem passam a fazer exercícios como param de tomar as vitaminas que tomavam. É da natureza humana. 


Portanto discursos como "sem isto não vale aquilo" tem de ser sempre um argumento acessório, não principal. O sermão principal sempre é "Façam, Façam, Façam".


Orem, orem, orem. Se vc puser objeção condicional a uma outra condição, seu argumento principal se perde. "Não adianta orar e empurrar velhas de escadas". Sim, mas é melhor orar até que se pare de empurrar velhas de escadas.



Você também pode gostar

Nenhum comentário:

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.