Missa Afro não existe

/
1 Comentários

Leitor me mandou este mimo da adorável diocese de Guarulhos.

Vem cá, o pé de moleque é para a "eucaristia afro"? Alguém da "coordenação litúrgica" andou vendo despacho de macumba e misturou os departamentos...

Enquanto no Brasil fazem umas carnavalizações semi-umbandistas e chamam de "Missa Afro", na África da vida real cardeais e bispos conservadores levam a chama da boa liturgia e da sã doutrina, ao ponto de deterem europeus liberais de mudar a fé da igreja em golpes palacianos sinodais.

Como é perigoso estar fora da realidade! Como é perigoso estar cego por ideologia ao ponto de não ver os fatos! Cultura africana, se existe uma única (existem várias), não é esta mistura de candomblé com axé do nosso imaginário provinciano brasileiro.

Estes senhores, se soubessem desta besteira, falariam um monte...





Você também pode gostar

Um comentário:

  1. Cardeal Arinze é uma excelente carta. Para o poder dele e os efeitos, 4 manas é bem barato.

    ResponderExcluir

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.