Baixezas morais, em Roma e aqui.

/
0 Comentários
Nada pessoal, são só negócios

Gente, de acordo com os Cleaners, eu não posso dizer em público no facebook que estou enojado e com vontade de vomitar vendo o evento público que foi a dignidade do pontífice romano sendo rebaixada ao encontrar-se com o tirano assassino do Raul Castro.

De acordo com os Cleaners, eu deveria ir até Roma falar em particular com o papa para expressar meu desagrado em nome de todas as vítimas do comunismo cubano.

É isso ai, gente, estou entrando em contato com a Secretaria de Estado do Vaticano para uma audiência. Depois que conseguir a audiência com Francisco (que tem uma agenda muito apertada) eu corro no site da Alitália comprar passagens.

Tudo pela correção fraterna, né? Afinal, escândalo não é o sucessor de Pedro encontrar-se com um assassino e validar seu regime com sua audiência. Escândalo é eu comentar o assunto no facebook, né??? Eu deveria fazer "silêncio obsequioso". Depois descobrem que algum padre depravado traçou por vinte anos os meninos da paróquia, e não sabem o porquê... Sabem por quê? Porque quem sabia, ao invés de meter a boca, tornou-se cúmplice por piedade de "silêncio obsequioso". 

Silêncio obsequioso para o Mal chama-se cumplicidade.

Cleaners, cleaners, cleaners... vocês se julgam os últimos defensores da Igreja e não percebem a baixeza moral de vocês...

***




Você também pode gostar

Nenhum comentário:

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.