Maria e José num Natal verdadeiramente infernal

/
0 Comentários

Não se preocupe se você está sem "clima de Natal". Acredite: Maria e José, preocupados sem arrumar onde dormir no frio da noite numa cidade estranha também estavam sem "clima de Natal" no Natal. Aliás, ambos deviam estar preocupadíssimos, e a decisão de irem a um estábulo não deve ter sido tomada sem antes uma forte angústia pessoal. Até imagino o último dos patriarcas nervosíssimo com a segurança da esposa grávida, e a Virgem tão serena numa sileciosa frustração vendo a preocupação do marido. E tenham certeza, garotos da cidade, um estábulo não é um lugar limpo. Até Jesus nascer a Sagrada Família estava passando um Natal verdadeiramente infernal. 

Mas as coisas de Deus não são clima, são fatos reais. Aquele menino não era uma metáfora, muito menos um grande líder, era o Deus em pessoa - literalmente. E com o menino Jesus naquela angústia toda veio tudo: A Estrela sobre a cidade, os anjos cantando, os animais em reverência, os pastores saudando, os reis-magos presenteando. Quem recebe Jesus no Natal, mesmo que esteja num estábulo é transportado para um palácio no Paraíso... 


Você também pode gostar

Nenhum comentário:

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.