Da anemia episcopal

/
4 Comentários
- Ah, Frei, mas a destituição do bispo de Ciudad del Este foi boa porque mostrou que a autoridade papal ainda existe na Igreja!!!

- Você parece um sujeito que leva um murro na cara que quebra seu nariz e ao ver o sangue vermelho escorrendo abundante e empapuçando a roupa diz: "que bom que escorre todo este sangue vermelho, mostra que não estou com anemia!!!"

Sei que devemos olhar o lado bom das coisas sempre, mas certas vezes é ridículo: "que bom eu ter engravidado de meu namorado menor de idade, mostra que estou fértil!!!" ou "que bom ter sido multado pelo radar, mostra que o poder público zela pelas estradas!!".

Nunca aprovarei o mau uso de algo bom.


Você também pode gostar

4 comentários:

  1. Como são poderosos os laboratórios de engenharia social na subversão das massas e inversão de valores!
    2 + 2 = 5; gato é lebre; lua é queijo, o PT só defende os pobres etc., e são tão convincentes que, piamente, quase todos confirmam suas "tiorias"!
    Tem me parecido que as bases – sólidas, ao menos enquanto durem – da DITADURA DO RELATIVISMO e grande parte de construção do edifício estão em fase muito adiantada, nos acabamentos finais, e os operarios altamente qualificados da equipe da régua e compasso à mão estão em frenética atividade!
    Em que grave erro incidiu D Livieres para ser destituído do cargo de bispo da diocese de Punta del Est, não kasperizou, foi isso?
    Roger

    ResponderExcluir
  2. De Dom Rogelio Levieres para Dom Keller: eu sou você amanhã.

    ResponderExcluir
  3. Frei, meu inglês é muito ruim --na verdade é inexistente, pois nunca estudei e só sei inglês de ler na internet e ver filmes. Mas me diga uma coisa:

    http://press.vatican.va/content/salastampa/en/bollettino/pubblico/2014/10/13/0751/03037.html

    Os parágrafos 47 e 50 dizem o que eu estou lendo?

    Se dizem o que estou lendo, por que os católicos conservadores estão xingando o fratres in unum e a mídia mundana, se isso está no site do Vaticano?

    ResponderExcluir
  4. Sabemos muito bem que Deus vê todas as coisas.Mas os acontecimentos dos últimos dias têm me angustiado. É como se tivesse "tudo dominado" na nossa santa Igreja. Parece que só mesmo uma intervenção divina resolveria as coisas. Ontem, assistindo a uma aula ao vivo do Pe. Paulo Ricardo,sobre a crise por que passa a Igreja, vi claramente a tristeza em seu rosto. O padre dizia que uma espécie de "vírus" tinha se instalado na Igreja. E, nem ele, nem nós leigos poderíamos fazer nada.Mas poderíamos rezar muito e deixar as soluções para os bons bispos da Igreja, que aliás são uns gatos pingados de tão poucos,e os que restam estão sendo chutados pra escanteio. Dizia também que precisamos formar uma "elite de santos", bem formados, nessa hora tão crucial e penosa.

    ResponderExcluir

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.