''Quem serve ao interesse público é a economia privada; a economia estatizada só serve aos interesses privados''

/
2 Comentários
Reinaldo Azevedo  - Metroviários: Linha Amarela, que é privada, funciona e serve ao público; as linhas azul, vermelha e verde, que são públicas, servem aos interesses privados do PSTU e do PT

A Justiça declarou ilegal a absurda greve dos metroviários de São Paulo. Nem poderia ser diferente! A categoria obteve um reajuste bem acima da inflação — 8,7% contra 5,2% — e teve elevados benefícios indiretos, o que, na prática, majora seus ganhos em mais de 13%. Mais: o sindicato não cumpriu a determinação de manter 100% dos trens funcionando nos horários de pico. Muito bem! Chegou a hora de começar a botar os agitadores na rua, com demissão por justa causa. Acabou a farra! Se os nababos que estão empregados — e recebem quase R$ 1 mil por mês só de vale-refeição e vale-alimentação — não querem trabalhar, há quem queira. No mais, quero chamar a atenção de vocês para uma coisa interessante: a Linha Amarela, que é privada — operando sob concessão do Estado —, está funcionando normalmente e, portanto, está servindo ao público. As linhas azul, vermelha e verde, que são públicas, hoje servem apenas aos interesses dos sindicalistas e, portanto, estão privatizadas.

Entenderam a inversão, que já é um clássico do estatismo? Sim, meus caros leitores; sim, meus caros brasileiros; sim, meus caros paulistanos: no Brasil e em qualquer lugar do mundo, quem serve ao interesse público é a economia privada; a economia estatizada só serve aos interesses privados — e isso é uma verdade absoluta, pouco importa a questão que se analise.

Vocês acham que a soma de sem-vergonhices que vemos lá na Petrobras, cometidas ao longo dos anos, seria possível numa empresa privada? Não! Seus dirigentes não apenas seriam demitidos como jamais arrumariam um novo emprego — se é que não iriam parar na cadeia. Não obstante, a cultura do estatismo — e contra a iniciativa privada — avançou estupidamente nestes 12 anos de petismo. Vejam o tempo que demorou Dilma Rousseff para privatizar aeroportos — boa parte não ficará pronta a tempo para a Copa do Mundo. As estradas federais continuam a ser uma soma de buracos, interrompidos, de vez em quando, por asfalto. Por quê? Porque o governo prefere fazer favores ao capital privado em vez de colocá-lo como agente do desenvolvimento. Mas já me desviei um pouco. Volto ao ponto.

Os sindicalistas do Metrô atuam como se o bem público fosse propriedade privada. Para eles, a empresa existe não para atender aos interesses da população de São Paulo, mas para servir a seus próprios anseios. Não custa lembrar: além do PSTU, que é o partido ao qual pertence Altino Prazeres, presidente do sindicato, também o PT resolveu dar suporte à greve. A CUT, a central sindical petista, emitiu uma nota se solidarizando com os grevistas.

Para encerrar:  A Justiça arbitrou multa de R$ 500 mil por dia caso a greve seja mantida. Infelizmente, a realidade tem demonstrado que esse instrumento tem sido inócuo. Sempre aparece um juiz para conceder uma liminar e suspender o pagamento. Os sindicalistas não estão nem aí. Estão acostumados a operar num país sem lei.


***

Nota do Frei: Qualquer clérigo que vier falando sobre moralidade de privatização merece levar um chute no traseiro. Este assunto é completamente amoral, é assunto de organização mundana e NÃO ESTÁ NO ÂMBITO DA DOUTRINA CRISTÃ. Ponto final. Nem me venham querer colocar como "Doutrina Social da Igreja". O fato é que a Teologia da Libertação justamente anda em baixa por causa do movimento conservador e de resgate à tradição, então muito picareta quer travestir agora marxismo de "Doutrina Social da Igreja". 

Eu quero que se lixe quem tem cinquenta por cento mais um de ações da Petrobrás. Que se dane! Importa  tanto para a salvação quanto a burra de Balaão cagando! 


Você também pode gostar

2 comentários:

  1. UM GOVERNO COMUNISTA É COMO UMA MAFIA: SÓ ATENDE OS DA SUCIA E ASSOCIADOS.
    Por que a China aboliu o estatismo na economia? Pelo fato de saber que comunismo e economia não rimam jamais e a China já tem mais de 40 000 000 de milionarios!
    Confiram o caso das fracassadas favelas Cuba e Coreia do Norte na estagnação total do estatismo comercial!
    Nesses paisecos, dominaram tudo; os donos da máfia vivem como sheiks árabes e o resto um bando de lacaios a serviço de ditadores comunistas - para subirem ao poder, simulavam querer sempre salvar o povo dos imperialistas e burgueses, mas ele são esses mesmos muito piorados - odeiam-se até mesmo dentro do partido, imaginem os de fora, então - vivem se expurgando uns aos outros, além de materialistas e ateus, cruéis opressores e frios assassinos.
    Eles sabem que foram descobertos, caso PT, estão desnudados e deseperados nas suas trapaças e descaramentos, hipocrisias de defenderem os pobres, inclusive infiltrados religiosos na Igreja com essa palhaçada de opção preferencial pelos pobres, como da esquerdista Teologia da Libertação - para não dizer Ideologia da Tapeação; eles apreciam mesmo são os incautos que os ajudam a subir ao poder para depois instalarem neles "coleira no pescoço e fecho éclair na boca"!
    Por as tvs estarem já perdendo audiência até para os rádios, tudo pelo fato de se venderem às falsas propagandas dos comunistas do PT, o povão já sabendo que anunciam uma - gigantescos investimentos, tudo conversa fiada - porém fazem outra muito diferente, caso Petrobrás, quase quebrada, além de um governo anti patriota.

    ResponderExcluir
  2. Disse tudo, o que os distingue de criminosos comuns? So a posicao na cadeia alimentar...

    ResponderExcluir

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.