Papa foge de Renan Calheiros

/
1 Comentários
Nota do Frei: A virtude da Prudência consiste em tomar o melhor caminho, eu me pergunto se a saída inesperada dele não foi uma moção espiritual... Já dizia o salmista sobre as más companhias: "Feliz o homem que não anda conforme os conselhos dos perversos, que não entra no caminho dos malvados, nem junto aos zombadores vai sentar-se..." (Sl 1)


Estábulo de São Paulo - O papa Francisco deixou inesperadamente a Igreja de Santo Início de Loyola, no centro de Roma, na noite desta quinta-feira, 24, após celebrar missa em ação de graças pela canonização do Padre Anchieta, cancelando uma cerimônia de beija-mão, na qual seria cumprimentado por 50 convidados, numa sala ao lado do altar.

Na interpretação dos organizadores da cerimônia, Francisco ficou assustado com o assédio de políticos brasileiros que tentavam se aproximar quando ele falava com o vice-presidente da República, Michel Temer, que veio a Roma representando a presidente Dilma Rousseff.Os políticos, que pelo protocolo não deveriam se aproximar naquele momento, eram Renan Calheiros (PMDB-AL), presidente do Senado, e seus colegas Ricardo Ferraço (PMDB-ES) e Ana Rita (PT-ES), além do deputado Esperidião Amin (PP-SC) e o ex-senador Gerson Camata. (...)



Você também pode gostar

Um comentário:

  1. QUE AMBIENTE SULFURADO RODEAVA O PAPA FRANCISCO!
    Alguns da alta cúpula de Satã e mesmo da sua filial, da Sinagoga, destacados para o visitar, causaram-lhe apreensão pelo ar carregado de miasmas que invadiu o local
    Logo que começou a dialogar com Michel Temer deveria ter sentido o halo proveniente dos "irmãos-bodes" dele e dos que o rodeavam, além de mais componentes que o assediavam; sentiu repugnância e preferiu esquivar-se, com toda razão.
    Ele sentiu que tudo ali era "barra-pesada"; afinal, eram das legiões do PT e de seu cúmplice PMDB, os quais os eleitores que possuam o mínimo de raciocínio e não sejam idiotas deverão evitarem nas próximas eleições para não colaborarem na contaminação geral das mentes e dos ambientes, e não queiram se tornarem como em Cuba, mercadoria e escravos e depois sejam negociados no mercado, como os médicos cubanos.

    ResponderExcluir

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.