Mentes insanas em corpos sanos - II

/
10 Comentários
É evidente que uma pessoa que corte comidas ruins, faça exercícios e controle a obesidade vá diminuir os riscos de doenças associadas ao excesso de peso. Isso é bom porque estas doenças são ruins mesmo, quem acha diabetes ou um infarto gostoso? O grande problema é que na loteria da morte, são tantas as formas de se morrer que na prática cuidar do corpo não leva a um aumento de longevidade. Morre-se de outras coisas que não se tem controle ou não se tem conhecimento para controlar. Esta é a certeza filosófica que os cultuadores do corpo e da saúde precisam ter: Não basta tirar uma única bala do revólver carregado, girar o tambor e atirar na própria testa. É muito bom não infartar tendo uma aorta mais limpa que tubo de água bidesmineralizada esterelizada, mas não é só disso que se morre.

Ai as pessoas lêem isso, obviamente não se preocuparam em entender (ou não tem o mínimo de educação para entender) e já me acusam de ser contra os exercícios e a favor da obesidade.

Sem contar os que trincam os dentes de ódio de um Big Mac e disparam uma catilinária contra um fumante, mas indulgenciam-se em comportamentos sexuais abjetos e degradantes, que consideram moralmente mais grave comer um lanche no Burger King do que chifrar o cônjuge com um travesti, aliás, devem achar que isto não tem problema algum, não? E enquanto mantém suas coronárias livres de colesterol ruim, expõe a sua intimidade (e a do cônjuge, consequentemente!) às bactérias da sífilis e gonorréia, aos vírus do HPV e HIV, com a doce, tola, reconfortante e enganosa mentira de que uma película de borracha é a panacéia universal. Parabéns! Mantenha seu coração em dia para a AIDS degradar outros órgãos!

Ai vem nosso governo, ah governo!, que restringe propaganda de cigarro e cerveja na TV para nos salvar da nicotina e do álcool jogando preservativo no carnaval e dando lubrificante íntimo para nossas crianças na escola. Ah, mas não tem problema não, a camisinha resolve tudo, eles estão dando vacina de HPV porque... porque... porque é bom, né? Isso quando a propaganda oficial não chama a nicotina e o álcool de droga, mas ao mesmo tempo descriminaliza o porte de maconha, crack, cocaína, heroína e outras coisas. Sem contar a aliança com os Narcotraficantes das FARCs, que não plantam nem tabaco nem tem destilarias nem fazem perigosíssimos Big Macs... Malvadas e cobiçosas são a Coca-Cola, o McDonnalds, a Ambev,  a Souza Cruz... já as Farcs são muy amigas, quase uma organização filantrópica...


Você também pode gostar

10 comentários:

  1. Condutores cegos! Que coais um mosquito e engulis um camelo. Mt 23:24.
    Interessante notar que na correspondência entre entre Vindice e Nubius, 2 grandes chefes maçons que estudavam entre si de como assestarem sutis golpes golpes na Igreja - já que pela espada não se tinham conseguido bons êxitos até então - um desses esquemas era a indução de pessoas a cuidarem dos seus corpos de formas idolátricas, como as modas sexi-sedutoras, diminuindo-lhes gradativamente o pudor, oportunamente esse tópico foi lembrado na Quarta Feira de Cinzas, em que a Igreja advertiu tratar-se o corpo de uma morada provisoria: "és pó e ao pó retornarás".
    Cuidar do corpo, por certo que sim, mas sob o acima, que seja trampolim para a vida eterna e para nossa perdição; aliás, de quando em tempo nos deparamos com a morte precoce de fisioculturistas que aparentavam ficarem aqui pela vida eterna por tantos cuidados bioquímicos e bromatológicos, mas vão-se, para o desaponto dos que confiam nesses expedientes como garantia de uma quase vida eterna na terra, como sugerem certas propagandas...
    Não confie, pois, na vaidade, enganando-se a si mesmo, porque a vaidade será a sua recompensa. Jó 15:31
    Quanto às vacinas, denuncia-se serem sob padrões da NWO, conteriam certos elementos atendentes a interesses excusos; ideal seria as evitarem, além de vários efeitos colaterais.
    PS.: captando o Questões de Fé da TV Horizonte, BH, sábado pp, o padre Cândido disse que não ábordará assuntos ligados a política até ás eleições para se evitarem polêmicas; serão programas mais leves e musicais...
    Assim, serão "Questões de Música", nome ideal, penso eu, mais atendendo o "Politicamente Correto" da "Ditadura do Relativismo" do PT - lá residem vários TeeListas, equivalendo a ficarem em cima do muro assistindo ao circo pegar fogo e às eleições, recomendarem ao povo votar com "consciência"!
    Juro, diz o Senhor Deus que, porque meus rebanhos foram entregues á rapina, as minhas ovelhas foram expostas a serem devoradas por todas as feras do campo, por falta de pastor;...

    ResponderExcluir
  2. Leonardo Santana de Oliveira7 de abril de 2014 11:16

    Prezado Frei,Salve Santíssima Imaculada Virgem Maria, Mãe de Deus, Co-Redentora pois trouxe ao mundo O Redentor!!

    Lendo vosso texto me fez lembrar das grandes Encíclicas dos Papas da Santa Imaculada Igreja católica, única Igreja de Cristo, onde Ela condena o liberalismo.

    Esses fatores apontados por você nesse texto nada mais é que a consequência lógica das 3 revoluções( revolução herética protestante,revolução francesa e a revolução ateia russa) que sacudiram a Civilização Ocidental,Edificada pela Madre Igreja católica, e trouxeram todos os males que hoje vivemos e combatemos.

    Sobre a questão da liberdade há que ler sobretudo a encíclica “Libertas” de Leão XIII (junho 1888), que ainda se encontra no sito http://www.vatican.va.


    Nela é ensinado que:


    A liberdade, dom excelente de Natureza, próprio e exclusivo dos seres racionais, confere ao homem a dignidade de estar nas mãos de seu arbítrio e dono de suas ações. Porém o mais importante dessa dignidade é o modo de seu exercício, porque do uso da liberdade nascem os maiores bens e os maiores males.”

    Quando eu era anticatólico eu rugia de ódio por causa dessa Encíclica que criticava e condenava a "liberdade" que me fazia sentir como um voltaire, um robespierre livres pensandores que enfrentaram a "obscurantista" e "malvada" ICAR (assim que eu a chamava misturando o ódio dos hereges protestantes com o ódio dos revolucionários franceses).

    Obrigado Senhor meu Deus por Edificar Sua única Igreja na rocha firme e imutável São Pedro, e fazendo isso, pobres pecadores como eu conseguem ter a firmeza de estar caminhando na rocha firme de mãos dadas com a minha Madre Igreja o caminho estreito da salvação!!

    Eu tenho 32 anos e durante anos fui ensinado que a Igreja Católica era responsável por tudo de ruim que ocorre no mundo.Depois que passei a investigar os indicios a evidência me provou que a Santa Imaculada Igreja é responsável sim mas não por tudo de ruim e sim POR TUDO QUE É DE MARAVILHOSO!!

    A solução para os problemas levantados por você nesse texto é nós católicos lutarmos para restituir o Reinado Social de Nosso Senhor Jesus Cristo.

    A aventura adolescente dos hereges protestantes, dos revolucionários franceses e dos ateus comunistas só geraram um mar de sangue e mostanhas de cadáveres, já está na hora da Madre Igreja acabar com essa aventura adolescente da descendência da serpente que despreza Cristo e Sua única Igreja!!

    Sancte Michael Archangele, defende nos in prælio; contra nequitiam et insidias diaboli esto præsidium. Imperet illi Deus, supplices deprecamur: tuque, Princeps Mlitiæ Cælestis, Satanam aliosque spiritus malignos, qui ad perditionem animarum pervagantur in mundo, Divina Virtute in infernum detrude. Amen.




    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É, Leonardo, precisavamos que algum pontífice cheio do espírito do Senhor retomasse a doutrina de Leão XIII a atualizando. Afinal, Leão XIII não viu os males do socialismo, nem a social-democracia europeia. Muitos dos conceitos politico-economicos que Leão XIII usou naturalmente depois de um século tem um sentido diverso do que usamos agora.

      Excluir
    2. Leonardo Santana de Oliveira7 de abril de 2014 21:59

      Os conceitos politicos-economicos e o sentido diverso que temos hoje nada mais é que o liberalismo que surgiu na revolução francesa.O que temos hoje são os desdobramentos que o liberalismo faz surgir.É igual a heresia protestante com seu herético livre exame onde faz do homem um Papa infalível de sua "igreja" subjetiva.Existem milhares e milhares de cristos e doutrinas na heresia protestante mas a essência é a mesma que o blasfemo herge Lutero formulou; o mesmo se dá com o liberalismo surgido na revolução francesa.Mas a questão é a seguinte,prezado Frei, pode surgir a ideologia política que for, o sistema econômico que for mas se esses conceitos politicos-economicos não estiverem sob égide católica veremos mais uma vez um mar de sangue e montanhas de cadáveres.

      Somente a Santa Igreja Católica tem o poder de conter os estragos que satanás faz aos homens (devido ao pecado original) quando os lançam em ideologias politicas-economicas.

      E digo mais,prezado Frei, todas as reivindicações que os esquerdistas fazem (infelizmente aplicando o desconstrucionismo da Escola de Frankfurt) e que os direitista fazem hoje em dia só existe porque foi a Santa Imaculada Igreja católica que trouxe ao mundo quando seguiu a ordem de seu Divino Fundador de ir ensinar à todas as nações.

      Veja, prezado Frei,pegue o conceito que for,politico-economico, e dê nas mãos de católicos obedientes a Santa Imaculada Igreja católica e sã doutrina de Cristo, meu caro Frei, Nossa Madre Igreja é divina e tudo que ela toca e converte vira caridade para os irmãos mais fracos e até para com os inimigos.

      A Civilização Ocidental é o que é porque a Santa Madre Igreja Católica converteu os violentos pagãos e os sanguinários e selvagens barbáros.

      Hoje os anticatólicos chama essa civilização de moderna, mas na realidade é barbárie antiga.Exemplo é o pater familias do império romano pagão, que a Santa Igreja combateu e venceu, hoje volta com força,graças a apostasia que ocorre no Ocidente, onde chamam de direitos humanos matar uma criança inocente no útero materno.

      A solução,prezado Frei, será fazer Cristo voltar a ser Senhor das nações Ocidentais.

      “Senhor, a quem iremos? Só tu tens palavras de vida eterna”

      Para terminar,gostaria de pedir sua Benção, como verdadeira autoridade religiosa da única Igreja de Cristo, fora da qual não há salvação!!

      Estava lendo o Sermão do Beato Urbano II convocando a Primeira Cruzada,oxalá o Papa convocar uma cruzada contra os inimigos de Cristo que tem feito o Ocidente apostatar e ser invadido por hordas muçulmanas.Eu estaria me alistando para dar minha vida por Cristo, por Sua única Igreja!!

      Tragam-me os analistas políticos e os analistas econômicos eu trarei a Mãe da Civilização Ocidental com toda sua Riqueza moral, ética e doutrinária!!

      Os homens modernos pedem soluções,pois vós dou:

      SANTA IMACULADA IGREJA CATÓLICA APOSTÓLICA ROMANA, MATER ET MAGISTRA DA CIVILIZAÇÃO OCIDENTAL!!

      Excluir
    3. Só um reparo: Na verdade o liberalismo (economico) surgiu com a Revolução gloriosa inglesa, que não foi uma revolução no sentido estrito da francesa/russa, porque teve égide conservadora.

      No mais, subscrevo

      Excluir
    4. Leonardo Santana de Oliveira.8 de abril de 2014 00:42

      Anotado e registrado essa informação sobre o liberalismo economico surgido na revolução inglesa.

      Viu por isso amo ser católico pois na Santa Imaculada Igreja tenho onde procurar conhecimento e a Verdade objetiva jorra.

      Uma pergunta Frei, o capitalismo liberal que se separada da moral cristã (cujo fim é a caridade) e a livre concorrência absoluta na economia, foram sempre condenadas pela Santa Madre Igreja, o que chamamos de capitalismo selvagem, pois bem, a pergunta que quero te fazer é;o capitalismo selvagem, condenado pela Santa Madre Igreja, é a consequencia lógica do liberalismo francês (pensamento político e moral) ou é uma deturpação que os americanos fizeram do liberalismo economico inglês?

      Na minha humilde opinião o liberalismo é um vírus hospedeiro que contamina e suga tudo até se transformar em um niilismo anárquico que ceifa milhões de vidas inocentes.

      In Corde Jesu, semper.



      Excluir
    5. A resposta é longa e vai além de meus conhecimentos, mas vou pincelar com meu pouco entendimento da Historia:

      Existiram 3 revoluções que na verdade são metáforas, porque não foram causadas pela mentalidade revolucionária: A revolução gloriosa inglesa e a revolução americana (ie, a independencia) foram golpes conservadores para manter a sociedade livre de revoluções (seja com o rei Jaime II de tendencias absolutistas e católicas, seja com o recrudescimento do colonialismo inglês). A terceira revolução na verdade foi um avanço tecnológico que se beneficiou do estado de coisas da primeira, que foi a Revolucao Industrial. Por metáfora, foram chamadas de Revoluções, assim como a Revolução de 64 na verdade foi um golpe anti-revolucionario. As revoluções "puro-sangue" mesmo foram a francesa e sua filha, a russa. Alias, a ultima tambem poderia ser chamado de golpe revolucionário, se olharmos direito, porque a sociedade russa nao se convulsionou toda como a francesa, e sim os bolcheviques deram um golpe numa republica instável

      Continuo no proximo comentário

      Excluir
    6. Continuando o anterior:

      Cabe quebrarmos o paradigma socialismo X capitalismo.
      O capitalismo NAO É o antipoda do socialismo
      Esta é uma mentira que a esquerda adora contar.

      O capitalismo é um sistema economico. Ponto final.

      O capitalismo é um sistema politico E economico.

      Isso explica muita coisa, como a longevidade do governo comunista chines. A China é capitalista, mas seu governo é comunista. Explica porque os socialistas sempre foram financiado por grandes banqueiros e ricaços capitalistas. As tentativas de socialismo economico de fato fracassaram. As tentativas de socialismo politico (centralismo "democratico" e Partido-Estado) foram tao bem sucedidas que ainda estao ai até hoje.

      Mais informações sobre as precisas definições de comunismo, veja o primeiro capitulo de Archie Brown, Ascensao e Queda do Comunismo.

      O socilialismo é IMORAL. Um homem de bem nao pode se associar a ele. Isto é doutrina.
      O capitalismo é AMORAL. Sendo moralmente neutro, nem bom nem ruim, homens bons podem faze-lo bom, obedecendo a dignidade humana e aos principios cristãos, e tambem ao estado Democrático e de Direito. Homens maus, em contrapartida, podem faze-lo terrivel e anticristao, inclusive associa-lo ao socialismo politico, como é o caso chinês.

      Entre a amoralidade e imoralidade, a escolha é obvia. Mas sabendo que aquilo que é amoral não é bom e sim neutro, pode tornar-se mau. Dai as invectivas dos Santos Padres.

      Continuo no proximo comentario

      Excluir
    7. ERRATA: O socialismo/comunismo é um sistema politico e economico

      Excluir
    8. Contudo, o "Capitalismo Selvagem" hoje em dia é uma grande construção teorica, como a Republica de Platao. Nao existe nem jamais poderá existir, por dois fatores basicos:

      a) MONO/OLIGOPOLISMO - Naturalmente grandes conglomerados industriais formados no capitalismo ganham tao grande força e tamanha capacidade de produção de escala, e tamanho poder com seus governos, que fecham o acesso da livre-concorrencia que percorreram. Ou seja, os bem sucedidos do capitalismo fecham o capitalismo e a livre-concorrencia para ninguem os ameaçar. Isto vemos especialmente nos baroes americanos do inicio do sec XX, como Rockfeller, Morgan e Merlon. Isto explica também a associacao entre grandes capitalistas e governos centralizadores comunistas ou social-democratas. Ou seja, como alguém que urinasse na própria banheira, como o filhote primogênito que destrói os outros ovos no ninho, os bem sucedidos do capitalismo selvagem o destroem para nunca serem derrubados

      b) KEYNESIANISMO - Hoje em dia é ponto pacifico que o mercado até pode se auto-regular, mas com um custo terrivel para os proprios capitalistas e sociedade, que sao as falencias e as quebradeiras. Portanto é necessario um Estado Nacional com um Banco Central que controle a emissao e liquidez de moeda e seja o segurador dos investimentos, ou mesmop insufle a economia com investimentos durante as recessoes. Ora, o Estado Nacional tem uma força imensa sobre a economia, portanto nunca haveria um mercado de livre-concorrencia no sentido "capitalismo selvagem'. O que chamamos de mercado na verdade são crianças brincando dentro dos muros seguros do quintal do Estado Nacional, que está lá controlando os bancos e as moedas e garantindo que as crianças corram e não se machuquem. Ouço muitos falando de "liberalismo" dentro da Igreja, mas vivendo num estado nacional keynesiano, falar de liberalismo/capitalismo selvagem é como falar de ar no vácuo espacial, ou falar de secura no fundo de uma lagoa. Vivemos numa estrutura keynesiana, nunca haverá capitalismo selvagem, é apenas um espantalho que as esquerdas usam para atacar, é a Republica Teórica de Platão na economia.

      Enfim, sao algumas pinceladas insuficientes do que conheço de economia e historia.

      Excluir

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.