Da Justiça Divina não escaparão!!!

/
1 Comentários
Recado aos bandidos: vocês até podem rir e se safarem da impotente Justiça brasileira, mas NÃO ESCAPARÃO da Justiça divina. Não mesmo! Tenham certeza! As desculpinhas que vocês inventam para se auto-justificarem não funcionam com o Juiz Supremo que vê seus corações e sua maldade.

Ninguém mata ou rouba ou ambos porque "o sistema" impeliu. Matam e roubam porque ESCOLHERAM matar e roubar. Quanta gente mais pobre e mais ferrada tem no país que não entra no crime?

Não tem desculpas. Vocês vão para o INFERNO quando morrerem, criminosos, se não mudarem de vida! A regra é clara, os dez mandamentos são claros. Otários foram vocês que pensaram que escapariam deles como escapam da lei de execução penal...


Você também pode gostar

Um comentário:

  1. SALVAR O PODER - TUDO O MAIS É ILUSÃO - Lênin
    Os comunistas são obcecados apenas pelo poder - não têm planos de governo - e daí pautam-se sob o satânico TODOS OS MEIOS JUSTIFICAM OS FINS, pelo qual passam por cima de qualquer obstáculo para atingi-lo, aprontam qualquer trama, mesmo que a caminho matem milhares ou milhões de pessoas, inclusive companheiros dentro do próprio partido,como algum que seja pusilânime em colocar em prática o conteúdo de suas cartilhas ideológicas dos objetivos sob esses métodos desumanos.
    Aliás, a violência que Cristo nos propõe abraçarmos é a que violenta a si proprio, extinguindo as paixões pessoais e os óbices de criar uma sociedade de irmãos em que tudo seja de todos; jamais o igualitarismo das pestes, os comunistas, o igualitarismo da miséria, menos aos donos do partido e associados.
    Se não se mudarem de vida dentre os que se mantiverem na rebeldia e afronta a Deus e não se converterem a tempo, estarão no rol desses excluídos: "E sairão, e verão os cadáveres dos homens que prevaricaram contra mim; porque o seu verme nunca morrerá, nem o seu fogo se apagará; e serão um horror a toda a carne. Is 66:24.

    ResponderExcluir

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.