A Face do Mal e a Face dos Senadores que o mantém impune

/
2 Comentários
A entrevista da mãe da jovem assassinada com requintes de crueldade por "um menor" de 17 anos e 363 dias merece ser divulgada lado a lado com o nome e foto dos senadores que votaram contra a redução da maioridade penal há menos de um mês. E ai, Randolfe Rodrigues (PSOL), já foi visitar os pais da pobre menina, você que para votar contra disse que o Brasil tem a legislação de adolescentes mais avançada do mundo?

Leia e só não se emocionem se tiverem um coração de bronze.

"Eu assisti o vídeo três vezes. E nas três vezes eu não consegui chegar ao fim. Choro e me desespero. Não consigo ver o corpo da minha filha destruído. Ele bateu muito nela. Agrediu com força. Yorrally estava com um aplique no cabelo muito lindo, que eu tinha dado de presente para ela. Estava linda, com o cabelo comprido, bem brilhante, toda feliz e vaidosa. Minha filha era assim, cheia de vida, animada. Mas ele era muito ciumento, não gostava de vê-la bonita. Ele arrancou o aplique da cabeça dela com toda força. Bateu no rostinho dela. Pude ver todas as marcas no enterro. O corpo todo ferido. No vídeo, ela pede desesperada para não ser morta. Pude ouvir a vozinha dela suplicando: "Pelo amor de Deus, não me mate. Pelo amor de Deus, não me mate. Não me machuque, por favor". Meu coração está destruído. Não tenho nenhuma vida. Meus dias se arrastam e são pesados desde que ela foi assassinada. Ele é um monstro. Só de lembrar dela suplicando, eu morro um pouco."

Divulguem. Os ilustres senadores precisam ter sua obra ligada às suas conseqüências! De fato não foram estes senadores que puxaram o gatilho que matou Yorrally. Mas foram estes senadores que ataram as mãos da Justiça que não só pune seu assassino, mas INIBIRIA FUTUROS ASSASSINOS. Quem se lembra de Liana Friedenbach, também morta por um menor, o tal "Champinha", com requintes de extremo sadismo???

Mas as filhas destes senadores estão protegidas por seguranças. As filhas dos pobres, como a pobre Yorrally e a SUA FILHA, leitor, estão a mercê.


Você também pode gostar

2 comentários:

  1. O que me deixa p... da vida é que a CNBB também é contra a redução da maioridade penal, e depois vão dizer que é a Igreja que é contra. Este será mais um movimento que serei obrigado a ficar contra os bispos da CNBB (não contra a Igreja), a outra foi no plebiscito do desamamento, em que queriam desarmar o povo mas não os bandidos.

    Anônimo Sidnei.

    ResponderExcluir
  2. Listas para ser reconferida na hora de votar em outubro para não continuarem comparsas desses e do PT!
    Bandidos do governo protegem bandidos do meio popular, são dos mesmos grupos e ideais, diferenciando-se de alguns estarem presos e outros soltos, até se passando por gente boa, e os acima todos são comunistas ou associados a eles por apreciarem o caos, portanto vinculados do mesmo clã.
    Sabemos que os comunistas para subirem ao poder até se firmarem precisam dos bandidos para infernizarem o povo e esse, desesperado, sem a quem recorrer, apela para o governo que responde na hora certa oprimindo uns e outros; aí é que o povão vai dar conta do erro de os ter eleito, mas é tarde demais; tá tudo dominado.
    Taí a última chance de o Brasil não cair tão rapidamente nas mãos dos bolivarianos tupiniquins, tirando Dilma-PT nas próximas eleições!

    ResponderExcluir

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.