Mama África... A minha mãe é copta!

/
2 Comentários
Ai o sujeito me pergunta cheio de empáfia sobre as contribuições das religiões da África. Digo sem pestanejar:

- Santo Agostinho!
- Não, eu disse da África!
- Santo Agostinho de Hipona
- Da Á-Fri-Ca!
- Agostinho bispo de Hi-Po-Na
- Não da Europa, o Cristianismo é europeu!
- Europeu??? Não sabia que Jesus fosse francês ou italiano!
- Eu disse das religiões politeístas africanas!
- Ah, Amon-Rá e Osíris!
- Da África, que ignorante!
- Ignorante é você!
- Eu digo da umbanda, do candomblé
- Ah, da cultura africana negra subsaariana você quer dizer...
- Sim!
- Tipo, hum, Iemanjá?
- Isso, Iemanjá!
- Mas Iemanjá é branca!
- Racista!
- Racista é tua mãe, seu xxxx!





Você também pode gostar

2 comentários:

  1. Não é que o interpelante estava mais preocupado com a contribuição exterior do que de fato as religiões em si?
    Será que ele era comunista por discriminar Iemanjá por causa da cor?...

    ResponderExcluir
  2. A umbanda não é africana, é brasileiríssima, fundada em 1918 por Zélio Fernandino de Morais co m influências principalmente kardecistas (francesas, portanto) e remotamente africanas.

    ResponderExcluir

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.