Física para imbecis

/
1 Comentários
Deixa eu explicar, o quente esquenta o frio, né? Alguém dirá que o frio esfria o quente, mas como sabemos que calor é energia, na verdade é o quente esquentando o frio se esfriando por consequência. Não precisa ser Aristóteles, Aquino, Newton, Fourier, Maxwell ou Lorentz para saber isto, não? Felizmente a escola de sodomia mental de Frankfurt não consegue desconstruir a Termodinâmica (nem a mecânica quântica conseguiu, aliás). Transferência Térmica é igual à coeficiente de troca térmica vezes a área de troca vezes a diferença de temperaturas, que move tudo. Sempre que houver diferença de temperatura, o quente esquenta o frio e é esfriado em conseqüência. Simples assim.

Muito bem, muito bom.

Nos dias de hoje, é verdade mais evidente que a Santíssima Trindade que um tal aquecimento global está derretendo o mar Ártico no polo Norte. Quem disser o contrário é um direitista sem vergonha inimigo das criancinhas e dos ursos polares. Contra tal verdade de fé, esta fatwa dos imãs doutos de seus minaretes universitários, só nos resta a submissão islâmica. 

Pelo princípio físico de que o quente esquenta o frio, compreensível apenas por Pós-doutorados de Física Teórica, o resto do mundo está aquecendo o Ártico. E o resto do mundo está sendo aquecido pelo Sol. 

Para o gelo derreter, ao nível do mar, a temperatura deve ser de 0ºC para cima.

O Canadá e Estados Unidos estão sofrendo com um fenômeno chamado vórtex polar, com temperaturas da ordem de quase -25ºC.

Como o Brasil passa por um verão muito gostoso, este ar a -25ºC gelando a cueca do Tio Sam não veio da Antártida, e sim do Ártico. O ar da Antártica até vem parar aqui passando pela Argentina, mas chega a uns gostosos 15ºC e é aquecido pelo nosso samba e pela nossa ginga, skidum, skidum...

Também como os EUA ainda não estão cobertos por papel alumínio nem submetidos a um mega-ar-condicionado dos alienígenas na área 51 nem num gigantesco compressor de ar para resfriar por efeito Joule-Thompson, o vórtex polar não se esfriou lá em cima deles. Então ele veio do Ártico, que é mais frio que a América do Norte.

Muito bem, retomemos o conceito complicadíssimo de "o de quente esquenta o frio".

O vortex polar está a -25ºC. Logo, se o Ártico está derretendo, a 0ºC ou mais quente, como pode o Ártico estar a 0ºC se soprou uma massa de ar a -25ºC sobre a América do Norte??? Portanto conclui-se que o Ártico está a -25ºC ou mais frio. E se está a -25ºC não está derretendo.

Desafio qualquer suposto cientista a trucar esta demonstração. 




Você também pode gostar

Um comentário:

  1. À ESCOLA DE FRANKFURT A VERDADE DESINTERESSA A SEUS PLANOS.
    Nessa invertida escola de ciências as mais diversas tudo se dá ao contrario: o certo é errado e o avesso, provando-o as ideologias marxistas que jamais deram certo; daí, tentam então pela via da subversão fazê-las decolar.
    Aliás, a teoria do aquecimento mundial procedente dos globalistas há muito esvaiu-se; está desacreditada, apesar de não se darem por vencidos e, de quando em tempo, arranjarem um novo esquemazinho para tentarem se justificar e provar suas esdrúxulas teorias.
    Há um grande contrassenso no falso consenso a respeito do aquecimento global antropogênico, pois seria motivado por fatores ideológicos, nitidamente anticristão, e formou-se um conluio de caráter midiático e não científico, um dos quais seria a redução populacional forçadamente.

    ResponderExcluir

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.