Eu preciso falar da Coréia do Norte e da execução do tio e mentor do ditador, mas...

/
2 Comentários
... mas está batendo um cansaço, um cansaço! Parece que estou vendo os processos de Moscou se desenrolando, com um toque de Nero e Sêneca.

***

Fica, portanto, registrada a notícia NÃO-REAL porém VEROSSÍMIL do jornalista Joselito Muller:

Partido Comunista do Brasil, PC do B, divulgou nota na manhã de hoje afirmando que a "execução do traidor Jang Song-thaek foi um ato democrático e necessário, realizado pelo governo popular da Coréia do Norte".
O PC do B, que na ocasião da morte do ditador Kim Jong Il divulgou nota em solidariedade ao povo da Coréia do Norte, reafirma seu apoio ao regime daquele país no referido documento.
O documento, assinado por Renato Rebelo em nome do comitê central do PC do B afirma que o partido recebeu "com inenarrável felicidade a notícia da execução do traidor Jang Song-thaek".
Confira a nota:
 Partido Comunista do Brasil, PC do B, divulgou nota na manhã de hoje afirmando que a "execução do traidor Jang Song-thaek foi um ato democrático e necessário, realizado pelo governo popular da Coréia do Norte".
O PC do B, que na ocasião da morte do ditador Kim Jong Il divulgou nota em solidariedade ao povo da Coréia do Norte, reafirma seu apoio ao regime daquele país no referido documento.
O documento, assinado por Renato Rebelo em nome do comitê central do PC do B afirma que o partido recebeu "com inenarrável felicidade a notícia da execução do traidor Jang Song-thaek".
Confira a nota:
"Estimado camarada Kim Jong Un 
Estimados camaradas do Comitê Central do Partido do Trabalho da Coreia 
Recebemos com inenarrável felicidade a notícia da execução do traidor Jang Song-thaek, seu ex-tio. 
Durante toda a sua vida de traidor, o ex-camarada Jang Song-thaek fez de tudo para contrair os interesses do povo e da Revolução proletária que apesar dos ataques covardes manteve bem altas as bandeiras da independência da República Popular Democrática da Coreia, da luta anti-imperialista, da construção de um Estado e de uma economia prósperos e socialistas, e baseados nos interesses e necessidades das massas populares.
As ações do traidor Jang Song-thaek buscavam improficuamente sabotar o desenvolvimento da revolução coreana, bem como atacar as conquistas do socialismo em sua pátria. Antipatriota, sabotou as causas da reunificação coreana, da paz e da amizade e da solidariedade entre os povos.
Em nome dos militantes e do Comitê Central do Partido Comunista do Brasil (PCdoB) expressamos nossa profunda felicidade com a notícia da execução do seu ex-tio.
Paredão já!
Saudações comunistas.
Renato Rabelo, presidente nacional do PCdoB e Ricaro Abreu Alemão secretário de Relações Internacionais do PCdoB"


Você também pode gostar

2 comentários:

  1. QUERERIA COMANDAR OU DESTITUIR O SOBRINHO?
    + 1 EXPURGO?
    A verdade é que toda noticia procedente de agencias comunistas são inverossíveis: ninguém sabe de fato o que sucedeu, como no caso de Jong Sang-thaek, acusado estar "ideologicamente doente e extremamente inativo", acusando-o ainda de "consumir drogas e esbanjar divisas nos casinos enquanto recebia tratamento médico num país estrangeiro às custas do partido".
    O tio do ditador norte-coreano desapareceu no dia 6 de novembro, à mesma altura em que dois dos seus mais próximos colaboradores foram executados e teria sido por corrupção... Corruptos condenando iguais...
    Destacaram que o grupo de Jang Song-thaek teria cometido atos contra o partido, minando a sua unidade e coesão e perturbando o trabalho para estabelecer o sistema de liderança único", publicou no seu comunicado a agência estatal norte-coreana e esse comando único,quem sabe, teria sido o pivô de sua execução, os chamados "Expurgos"?
    O mais certo!

    ResponderExcluir
  2. "PAPA FRANCISCO DESMASCARA O SOCIALISMO/COMUNISMO"
    IMPERDÍVEL A QUEM NÃO ACESSOU.
    Iniciou-se a circular a transcrição de uma entrevista feita com o Papa Francisco quando ainda o então Cardeal Bergoglio, na Argentina. Na realidade, foi uma emboscada realizada pelo jornalista Chris Matthews da MSNBC, mas Bergolio encurralou Matthews de tal forma que a entrevista nunca foi ao ar pois perceberndo que seu plano falhara, Matthews arquivou o vídeo. Porém, um estudante de Notre Dame, que prestava serviços sociais na MSNBC, apoderou-se dele e o deu para seu professor.
    O destaque da entrevista é a discussão sobre a pobreza. A entrevista começou quando o jornalista, tentando embaraçar o Cardeal, perguntou-lhe o que ele pensava sobre a pobreza no mundo.
    Ele simplesmemte o DETONOU, ESTRAÇALHOU, PULVERIZOU, motivo por que foi melhor tentar ocultar.
    Porém, como mentiras têm pernas curtas e o gato deixando sempre o rabo de fora...

    ResponderExcluir

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.