Novo Testamento pode sair de circulação por ser biografia não autorizada de Cristo

/
1 Comentários

A polêmica envolvendo biografias de famosos chegou até as Sagradas Escrituras. Um grupo de religiosos está pedindo a retirada do mercado do Novo Testamento sob a justificativa de que ali estariam presentes dados biográficos não autorizados de Jesus Cristo. O grupo acusa o texto do Novo Testamento de relatar eventos na vida de Jesus que poderiam comprometer a sua imagem pacificadora como por exemplo o episódio em que o Messias entra no Templo e expulsa os vendilhões revirando suas barracas a força. Os religiosos acreditam que esse trecho poderia incitar o vandalismo.

Do outro lado a Justiça é contra a retirada dos evangelhos das prateleiras e alega que as partes não autorizadas da vida de Jesus não foram colocadas no texto, como por exemplo toda a sua vida dos 13 aos 30 anos.


Você também pode gostar

Um comentário:

  1. Num país como o Brasil ostentando a ideologia marxista tudo pode acontecer - evidente que os eleitores estão por detrás de tudo - inclusive quando um dos políticos do PT irrompe em tremendo besteirois, nada de censurar: assuma!
    Ele lá em cima é v cá em baixo!
    Cara de um focinho do outro!
    PT, PSOL, PSTU e PC do B são partidos que deveriam estar sempre na oposição para policiarem os outros e apontarem seus erros, nada mais; comparam-se a cães amarrados: se soltarem, pegam.
    Agem pior que os outros quando detêm o poder, em particular no quesito corrupção, desvio de verbas e alienação do povo, como diz o nome da flor apropriado a eles: "comigo ninguém pode"!

    ResponderExcluir

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.