O dia em que a Folha de São Paulo teve sua Noite de São Bartolomeu

/
0 Comentários
Via Reinaldo Azevedo - A Folha faz uma cobertura em tempo real, com notinhas curtas. Destaco duas passagens:

• 19h18

PMs dispersam grupo na porta da Câmara com bombas de gás e efeito moral. Manifestantes também jogaram bombas.

• 19h22

Manifestantes fazem barricada de fogo na rua e insultam policiais, que não se inibem e vão para cima para dispersar os protestantes.

Voltei (Reinaldo): Os "protestantes", leitores, é bom que fique claro, não são os seguidores de Martinho Lutero ou de Calvino. Não! São os baderneiros mesmo. O que acho encantador no texto acima é a informação de que os "protestantes" também jogaram bombas. Hoje, a imprensa noticia a existência de bombas contra a Polícia como quem dissesse: "Boa noite! Hoje é quarta-feira!". Reparem lá. Os manifestantes insultaram os policiais, que, ora vejam [!!!], não "se inibiram". Que coisa, né? Onde já se viu uma Polícia não se inibir quando agredida, né?



Você também pode gostar

Nenhum comentário:

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.