Ah, este sistema! Deus salve o sistema!

/
1 Comentários
Pensando alto...

Sabe aquele punk, aquele gótico, aquele grunge, aquele hippie, aquele naturalista, aquele hare Krishna, aquele - por que não - fake franciscano da Toca de Assis? Sabe o que eles tem em comum?

Lutam contra o conformismo e o sistema!

Mas o "sistema" lhes vendeu a roupa com que se vestem e a cultura que absorvem e que as fazem expressar sua ira contra o sistema.

As pessoas lutam por tentar se fazer individuais e fora do mainstream, mas o sistema também tem nicho para elas. E se há mercado consumidor, há uma bela cadeia econômica. Quem é o filé mignon do marketing hoje em dia? Casais gays. Sem filhos, tem mais com que gastar. E costumam ser mais abastados, já que o povo simples costuma ter mais apego à moral. Risadas para quem acha que homossexualismo é expressão de individualidade contra o sistema! Não, é apenas classe média alta gastando em Shopping. O que fazem com seus esfincteres é apenas "dano colateral".
 
Não, não sou contra o sistema não! Até porque o sistema é acéfalo e amoral. E quem lutou contra o sistema amoral trouxe outro imoral com 100 milhões de mortos! Deixem a "contracultura" julgar que é contra algo e alimentar a economia real. O que é que tem de mal num pai de família fabricar correntinhas prateadas e vender honestamente para quem quer as comprar para as usar no nariz, no umbico, até no saco? Que mal há que a loja super-alternativa de Tatoo pague o mesmo aluguel para o Shopping que tem as lojas também alugadas da Gucci, da Montblanc e da Banana Republic? Se o sujeito quer comprar camises preta, repicar o cabelo e ouvir bandas alternativas lutando contra o sistema mas o alimentando, deixem ele. Quem sou eu para julgar os punks e os góticos? Eu também me visto de preto e alimento o sistema de vendas de livros e artigos religiosos da Paulus, Loyola, Ave-Maria e um par de adegas :)  Sem contar a hotelaria de Roma, Aparecida,  Lourdes e Fátima... Se 1% dos tercinhos que são vendidos nos santuários fossem sistematicamente rezados, que mundo santo seríamos! Se 10% das Bíblias vendidas fossem lidas, que mundo justo teríamos! 
Até mesmo nossa expressão de individualidade nos é vendida e somos seus consumidores. 

E agora se olhando no espelho, quantos católicos não se dizem carismáticos, tradicionalistas, jufras, focolares, pejoteiros... apenas como uma afirmação de individualidade, não necessariamente de um carisma ou de uma vocação divina?







Você também pode gostar

Um comentário:

  1. QUE HÁ POR DETRÁS DOS TERRORES DOS GOVERNOS E PARTIDOS COMUNISTAS, PT, PC do B…
    COMPARTILHADO COM SEUS APOIADORES E ELEITORES!
    O grande historiador Richard Wurmbrand fez uma radiografia geral dos comunistas e suas alianças com os satanistas em seus apontamentos sobre as ligações entre Marx e cultos satânicos.
    Wurmbrand pesquisou muitos documentos, correspondências e minuciosa pesquisa biográfica sobre Marx, idem quando freqüentou a Universidade de Berlim, ao residir em Colônia (1842) e co-editor da Gazeta do Reno — fase em que Marx, negando Deus, tornou-se um adorador de Satã e ativo cultuador de práticas e hábitos esotéricos.
    Wurmbrand, em detalhes, registra como Marx mudou inteiramente de conduta: longe da familia, ao repudiar Cristo, tornou-se um violento alcoólico e atuante membro do “Clube Tabernário” e, com um bando de estudantes porristas, Marx organizava rituais de magia negra, professando a idéia de "chutar Deus do Céu" e tinha acessos de odio bradava sempre em ira incontida: "Eu o destruirei! Eu o destruirei".
    Os familiares, como seu pai, o repreenderam e o acusaram de endemoniado, mas calava-se; parecia dominado por forças diabólicas; teria se contaminado pela leitura do "Fausto", a peça teatral de Goethe em que o personagem central pactua com a figura de Mefistófeles, o "diabo em pessoa".
    Dado curioso: a mudança de Marx não foi só espiritualmente, pois seu exterior modificou, tornando-o uma pessoa de aspecto repelente ao olhar.
    Marx enganou-se em tentar abolir a religião da terra, pois o cristianismo penetra até em países hostis de forma impressionante e aumentam os fiéis na crença em Cristo.
    Quanto a Marx, seu espírito maligno permanece atual e atuante — são as ações de Satã via governos comunistas globais, sendo o pior é estarem no poder via supostos cristãos eleitores que os apoiam, compartilhando com eles contra tudo que seja Deus e a lei natural: casamento homossexual, pedofilia, aborto etc., aumentando o pesadelo social trazido por onde passam com suas bandeiras vermelhas representando o sangue dos adversários, e mais, com a estrela de 5 pontas que é o pentagrama satânico, deixando rastros de ateísmo, destruição, atraso, opressão, miséria, violência e morte, tendo como exemplos os escravagistas países-prisões Cuba e Coreia do Norte.

    ResponderExcluir

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.