Jean de Beaumetz The Crucifixion with a Carthusian Monk

/
1 Comentários
Estás magro, ó Senhor, abatido, esgotado e frágil pendente no madeiro.

Vemos e contamos teus ossos, ó Senhor, um pouco mais finos que vossa cruz.

Vossa cabeça pende extenuada, ó Senhor, e atrás de teus cabelos o sangue da coroa denuncia o castigo injusto por que passastes.

O fundo por trás da cena é vermelho e irregular, pintura muito velha que os anos devoraram. Também nossos pecados devoraram tua criação, meu Senhor e meu Deus, e também a intenção original de tua obra foi desfigurada.

A Virgem Maria, de tão vivo manto azul da Imaculada, parece desmaiada em desespero. Sustem-na Maria, esposa de Cléofas e mãe de Sao Tiago e São Judas, e Suzana, esposa do funcionário de Herodes. Maria de Cléofas olha teu lado ferido, Suzana olha tua coroa. Tua mãe, nossa mãe, desfalecida, olha teus pés trespassados.

João, jovem apóstolo, também está transido de dor. Olha no lado oposto, uma mão segura a outra em agonia, como que tentando sentir os pregos e imaginar-se em vosso lugar.

De branco, um monge te adora. Este monge somos nós. Permita-nos, Senhor, nesta agonia suprema nos unirmos a ti, e na tua dor encontrarmos nossa remissão. Por que teu corpo sofreu, ó Jesus, mas estás certo de que a missão foi cumprida. Sim, Senhor, queremos estar aos pés de tua cruz convosco.

Meu Jesus, tão pobrezinho e frágil na cruz! Que horror fizeram contigo! Que horror é o pecado para requerer tão terrível sacrifício de quem sumamente amamos! Ó Jesus, ver-te assim é prova terrível, é terrível ver o fruto do pecado no fruto que pende da cruz!



Você também pode gostar

Um comentário:

  1. SERIA OUTRO MODO DE AUMENTAR O SOFRIMENTO ACIMA DE CRISTO!
    A CNBB precisa ser mais contundente e esmiuçar o doutrinamento questionando os católicos de votarem no PT, chamando-os a repensar sob a fé em eleger os arquiinimigos de Cristo e da Igreja, instalando o material-ateísmo com ajuda dos eleitores no país - uma contradição! Todos sob as botas dos comunistas, incluindo-se a CNBB.
    Onde estão as bancadas católicas na Câmara e Senado católicas?
    Os evangélicos, mesmo dissensos entre si as têem e nessa hora ajuntam-se: "meu inimigo ajuda contra nosso inimigo maior", o PT, os marxistas!
    Postei no blogdacnbb.facebook

    ResponderExcluir

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.