"Seguindo" Bento XVI

Roma, 28 de Março do Ano do Senhor 2013.

Estimado Frei Clemente Rojão,

Já é conhecido de muitos o fato da minha estadia na Cidade Eterna, desde a renúncia de Sua Santidade Bento XVI, no último 11 de Fevereiro, por disposição e obediência do nosso Superior Geral, que ordenou a minha presença, para ser um apoio espiritual naquela hora difícil para toda a Igreja.

Muito prontamente aqui cheguei e desde então, muitas novidades aconteceram, sobretudo a entronização do Papa Francisco que, a cada dia, nos surpreende mais.

No dia 19, Solenidade do Patrono Universal da Igreja, São José, às 20hs, (horário local), recebi a Ordenação Presbiteral, pela imposição das mãos de Sua Excelência Reverendíssima, Dom Terstistes Wilson Câmara Marques de Montfort, nosso querido Bispo da Diocese de Anhangá-Açu, na capela da nossa Ordem. De lá pra cá, deixei a barba e o cabeço crescerem, simbolizando a nova missão, em terras estrangeiras, recebi a cruz de Nosso Senhor, para ostentá-la e extinguir toda cilada do Demônio. Por fim, também troquei a espingarda por uma metralhadora. hehehe (Não poderia deixar passar!)

Agora também somos irmãos na Ordem Sacerdotal. Sei bem das dificuldades que tem passado aí no Brasil e do desejo que tem em estar aqui conosco em Roma. Pelo que acompanhei das últimas ligações dos Cardeais para você, e isto é fato, todos lhe tem em grandíssima estima...

No entanto, nosso Reverendíssimo Pai Superior Geral, deu a minha carta de transferência para a capelania amuliana, que fica bem próximo a Castelgandolfo, justamente para que, com a proximidade ao Santo Padre Emérito Bento XVI, eu possa aprender a simplicidade e o serviço, neste meu primeiro ano sacerdotal, de modo isolado de tudo e de todos.

Portanto, meu caro irmão, lhe comunico a minha ausência (mais concreta heehehe) do seu blog. Claro que não me isento de, vez ou outra, por meio das clássicas cartas, via Correios, enviar saudações e algumas novidades desta terra regada com o sangue de tantos Santos Mártires.

Queira Deus que eu aprenda o máximo que puder!

De cá, rezo por você, seus paroquianos e todos os seus leitores.

A todos e cada um, a minha bênção sacerdotal [e ainda primicial]!

Frei Ângelo Bernardo, OAAO.



Você também pode gostar

Um comentário:

  1. Faltou ao fundo a foto do novo patrono que processa a cãoversão à base da metranka: ção Boff, o qual diz em seu neoevangelho que para que funcione usa o método: todos os meios justificam os fins...
    Não é que o diabo é brasileiro?

    ResponderExcluir

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.