Nossa Senhora do Carmo, rogai por nós!

/
0 Comentários
"Senhor, mataram teus profetas, teu povo abandonou a tua Aliança, só eu permaneci e querem me matar!" - Com palavras tais o profeta Elias no Monte da Aliança derramou na presença de Deus seu lamento, perseguido pelo governo de Israel da rainha Jezabel e pelos adoradores de Baal, que se jactavam de seu número cada vez crescente.

Hoje é dia de Nossa Senhora do Carmo, cuja Ordem Carmelita tem suas origens na escola de profetas de Elias no Monte Carmelo, como que numa ligação entre os dois testamentos.

A diferença? A diferença é que os adoradores de Baal hoje se jactam de serem iconoclastas e quebrarem santos. Enchem as ruas, mas não enchem o coração do Altíssimo, violaram a Sucessão Apostólica, pisaram nos sacramentos, violam a unidade dos cristãos. Assim como os idólatras do Antigo Testamento eram maioria, também eles se dizem maioria e ironizam os católicos, os que permanecem fiéis ao Evangelho.

E o governo da rainha Jezabel se diz social, preocupado com os pequeninos, mas rouba igualmente o vinhedo de Nabot. Não é a toa que a seca - desta vez seca econômica - castiga Israel pelo pecado de seus governantes e povo. E a rainha Jezabel continua em seus pecados! 

Os esteios da Igreja são a Virgem Maria e a eucaristia? Falei da Virgem, e da Eucaristia? Ora, a História Sagrada mostra onde está a eucaristia: Em sua fuga, Elias, cansou-se e pediu a morte. Deus deu a ele o pão do céu que deu forças a Elias continuar a jornada ao Sinai. Quer maior significação eucarística aí? Os adoradores de Baal não entenderão. Mas nós, católicos, entendemos, porque estamos fiéis à Aliança!

Sim, Virgem do Carmo! Levanta-se e intercede por nós, mais perseguidos que o profeta Elias! Seja como a rainha Ester pedindo ao rei a vida de seu povo! Seja como Débora degolando Sísara! Seja como Judite humilhando Holofernes! 

Nossa Senhora do Carmo, rogai por nós!



Você também pode gostar

Nenhum comentário:

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.