Um verdadeiro Teólogo da Libertação ilustrado

/
8 Comentários
Continuo sobre a batatada infiltrada no site da Arquidiocese de Campinas, felizmente corajosamente combatida e denunciada pelos próprios sacerdotes fiéis da diocese. Num dos momentos do texto, surge esta pérola, que deveria ser escrita em letras de ouro e afixada num monumento em Puebla, que, em cisma e dissidência, é a Avignon da América Latina.


A Teologia da Libertação entende como teólogos não apenas os que têm formação acadêmica, pois todos “buscam a Deus em suas vidas, de diferentes maneiras, de acordo com sua condição e aos instrumentos metodológicos de que dispõem”.

É, meus filhos, é duro. Quando vocês precisarem fazer uma ponte de safena, procurem um cardiologista mas "não apenas" os que tenham "formação acadêmica". Quando for construir sua casa, confie seu projeto a um engenheiro, mas "não apenas" os que tenham "formação acadêmica". Quando for voar, que o comandante da aeronave, mas "não apenas" os que tenham "formação acadêmica".  Formação acadêmica pra quê, né? Inclusive teologia!

Agora vamos fazer um exercício de imaginação. vamos imaginar uma mesa redonda de um destes debates em que "os teólogos não são apenas quem tem formação acadêmica" (SIC).



***



- Senhores, muito bem-vindos a nossa mesa redonda de Teologia. Como mediador desta mesa, afirmo que é um prazer imenso participar com tão grandes figuras. Temos três participantes hoje. Temos o Frei Tomás da Ordem dos Pregadores, professor na Universidade de Paris. Temos Frei Boaventura da Ordem Franciscana Menor, insígne figura que dispensa apresentações. Finalmente, nosso terceiro participante é o sr... o sr... qual sua graça?

- Eu? Eu sou o Zé

- Ah, Frei José? De qual Ordem? Beneditina? Agostiniana...

- Não, eu sou só Zé

- Ah, e o senhor é professor leigo de teologia de qual universidade?

- Professor? Não, não, não sou professor. A porta estava aberta e eu entrei. Eu nem fiz primeira comunhão.

- Err... mas esta é uma mesa redonda de Teologia

- Sim, sim, eu sou teólogo.

- O sr é... ???

- Sou Teólogo. Eu faço teologia com as ferramentas que eu tenho.

- Mas... mas...

- Que foi? Sou tão teólogo quanto esse Tomás e esse Boaventura ai. Eu busco a Deus!

- O sr. busca a Deus? Que bom!

- Sim, eu sempre rezo no Terreiro de Umbanda que participo, e da mesa branca kardecista depois. E leio os livros do Pe. Fábio de Melo todos, especialmente aquele com o Gabriel Chalita na capa, meu favorito.
- Err... veja bem, sr Zé... Sr. José

- Só Zé mesmo

- Esta é uma mesa de teologia católica...

- Antão! E sou muito devoto de São Hélder Câmara, Pacha Mama e Santo Oscar Romero!
- Não creio que estas práticas e estas figuras sejam muito católicas. E o senhor precisa ter um mínimo de estudo para debater teologia, que é um ramo muito importante do conhecimento! Grandes teólogos precisam de muito estudo e uma vida espiritual coerente!
- Isto é preconceito!  Estava escrito no convite do Seminário de Teologia da Libertação que é teólogo qualquer um que busca a Deus independentemente da formação acadêmica! Eu sou teólogo! Estes comentários seus são uma nova cruzada! É a perseguição da Inquisição!!! É Pedofilia moral!

O mediador suspira e continua o debate. O primeiro tema é sobre a presença real na eucaristia. Frei Tomás faz uma brilhante exposição sobre a presença real, animada pelos apartes não menos inteligentes de Frei Boaventura. Zé, o Teólogo Sem Formação Acadêmica, fica meio entediado, distraído. Finalmente o Sr. Zé pede a palavra:

- Tenho algo também a dizer sobre este tema

- O Sr. José tem a palavra

- Não, só Zé. Zé, o Teólogo

O mediador suspira e fica em silêncio.

- Pode fazer seu aparte... Zé...

- Sobre o tema da presença leal na sacristia...

- Presença real na Eucaristia...

- Silêncio, não me interrompa, posso num sê dotô que nem estes ai mas entendo também!!! Sou teólogo sem formação acadêmica! Sobre o tema da presença leal na sacristia quero dizer que a Igreja ganharia muito se a rodela do padre fosse verde...

- O quê?!!!!

- A rodela que o padre levanta na missa quando todos se ajoelham. Se a rodela branca fosse verde, seria muito melhor para todos verem

- Isto é uma palhaçada!! - retruca Frei Tomás
- Cala a boca, seu gordão!!! Você estudou muito e nem saiu da iscola, porque fica com iscolástica pra cá e iscolástica pra lá. Eu sou Zé, o Teólogo, igualzinho a você. Como dizia, se a rodela fosse verde, também mostraria o engajamento da Igreja na cologia, que foi tema da Campanha da Fraternidade. Tudo é cologia, né? Lembram da música "Nossa mãe Terra está tristinha, e sem cuidado ela gemi e morre..." Antão, a rodela verde iria melhorar a inconsciência cológica dos fiéis.

- Meu Deus! - diz Frei Boaventura balançando a cabeça, mas Zé, o Teólogo não-acadêmico se anima

- Sim! Podemos iscrivinhá "Meus Deus!" na rodela também! Tem sempre uma turma que fala isso na hora que o padre ergue a rodela,  eu ainda não intendo, mas eu faço teologia com os instrumentos metodológicos que tenho, sabecuméquié...


***

Tomara que seja assim mesmo que os sábios da Teologia da Libertação entendam seus teólogos. Veremos que esta heresia terá curta vida!


Você também pode gostar

8 comentários:

  1. Foqueira neles, já. Foram longe demais.

    Espada de S. Miguel Arcanjo, defendei-nos !!!!

    ResponderExcluir
  2. Sensacional ! a fotos do bando de jumentos é demais. Como dizem: uma foto vale mil palavras.

    ResponderExcluir
  3. Tipo que, por que não um artquiteto para construir a casa, frei??? Pode até ser um sem formação academica, rsrsrsrs mas, arquiteto, frei, arquiteto, ok??? :))

    Ass Anonimo ex Estudante de Arquitetura (só podia, neh... :)

    ResponderExcluir
  4. Nao corrija o frei. Quem calcula e constroi é engenheiro. Os arquitetos só decoram

    ResponderExcluir
  5. Quem foi que disse que arquiteto só decora??? Isso é pra decorador... Frei, isso e BUYLLINGGGG :S (bota "off assunto" isso, rsrsrs)

    ResponderExcluir
  6. Mas, a coisa ta de um jeito que qualquer um que pegue uma Biblia já acha que pode "versar" sobre ela...

    ResponderExcluir
  7. Acho que se o caso se tornasse realidade São Tomás de Aquino ressuscitava do túmulo para ensinar como se faz teologia

    ResponderExcluir
  8. CARO ROJÃO.. CONTINUO COM MINHA CRUZADA CONTRA OS HEREGES PROTESTANTES... MAS AGORA ESTOU MAIS NA FASE DE ACHAR AS BESTEIRAS DELES NA INTERNET E POSTA-LAS. CONTRA FATOS NÃO HÁ ARGUMENTOS. PAX DOMINI.

    ResponderExcluir

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.