É com os pedreiros!

/
3 Comentários
Tenho recebido diversos questionamentos de fiéis - juro que dos mais variados tipos - sobre como construir capelas/igrejas/templos pessoais.

Amigos, isto é com os pedreiros. Não tem "regras arquitetônicas" exatamente num sentido escrito da palavra. Ficará ao cargo do bispo local consagrar o lugar para uso público ou particular
Minha recomendação para quem deseja fazer é muito simples. Faça um salão bem arejado e simétrico. Seria desejável boa acústica, mas é uma mão de obra incrivelmente especializada. Faça vitrôs laterais. Não enfeite nada. Não faça o altar nem sacrário. Pinte de branco por dentro. Não coloque as cruzes da consagração. Compre bancos. Faça na frente uma plataforma mais alta para o presbitério. Deixe estrategicamente no centro (ou numa capela lateral) um nicho para o Santíssimo. Faça um forro muito simples, com lâmpadas claras também o mais simples possível. A fachada simples e agradável. E permita, estrategicamente, um "caminho gradeado/murado" que as pessoas de fora possam entrar na capela sem passar por onde você não deseja de sua propriedade.
Por que isto? Porque você fará um "espaço genérico" que pode ser preenchido ou facilmente reformado conforme os desejos do bispo local. Fazer capelas é muito custoso. Só neste edifício genérico você vai gastar muito, não se preocupe depois com decorações, se será barroco, gótico, românico ou simplesmente o estilo que chamo "igreja-caixote do século XX". O mais importante ai será o dinheiro, não a piedade. Sim, o dinheiro. Vai ser uma grana-preta. As belas igrejas de Roma e Ouro Preto custaram rios de dinheiro, recurso que a Igreja e os fiéis não tem mais. E rios de tempo também, são igrejas que foram decoradas muito lentamente ou reformadas sucessivamente. A igreja do Pilar foi a contruída e decorada mais rápidamente de Ouro Preto, só levou vinte anos! A Capela Sistina, a despeito dos recursos papais, tem décadas de intervalo entre suas decorações, Boticelli e Michellângelo não foram contemporêneos. A basílica de Congonhas só viu seus famosos profetas bem depois de construída. Santa Maria dos Mártires foi o panteão do consul Agrippa, o mausoléu dos reis italianos e teve torres postas e retiradas. A capela do Padre Faria começou quase como uma choupana, bem diferente da atual cheia de pinturas de perspectiva ilusionista. Em São Pedro do Vaticano o baldaquino de Bernini veio bem depois do templo de Michelângelo. São Paulo Extramuros surgiu depois do incêndio da original. Na velha Vila Rica, o Carmo e São Francisco ganhavam adornos conforme uma desejava ser mais bela que a outra. São Clemente de Roma é uma igreja barroca feita por cima de uma igreja do seculo VIII, por cima de um templo de Mitra. Ou seja, igrejas são feitas pelos anos...
Torre? Sino? Não sei. Mas deixe a estrutura fortalecida prevendo quem sabe uma torre no futuro. Se não der, depois coloque a torre no fundo. A Chica da Silva fez isso em Diamantina e todo mundo acha graça.
Não queira ser pretensioso, faça pequena. Pode escrever que a História demonstra, todas as igrejas que surgiram de particulares começaram como capelinhas.
Depois se você quiser encher sua capela de retábulos rococós com detalhes de ouro, altares laterais, chamar Mestre Athayde para pintar o teto, colocar vitrais você terá plena liberdade. O direito canônico prevê condições para o altar e sacrário. Deixe-os por último, se e somente se o bispo aprovar. Depois de gastar os rios de dinheiro com a construção, o mais difícil será achar um sacerdote

Se o bispo não aprovar, nada impede você colocar suas imagens de devoção e fazer sua capelinha particular. Quem te impede de rezar onde quiseres?

Vale a pena? Ô se vale. Salomão entrou para a História por ter feito o Templo do Senhor. Construtores de igrejas são caríssimos a Deus.


Você também pode gostar

3 comentários:

  1. O senhor é das cidades históricas? parece ter um bom conhecimento sobre isso...

    ResponderExcluir
  2. Quer saber como construir uma igreja/ templo ??

    pergunte ao Bispo Edir Macedo que está construindo o Templo de Salomão (terá 56 m de altura - o tamanho aproximado de um prédio de 18 andares).

    ResponderExcluir
  3. Frei Rojão, vi no site do Vaticano que o Papa João Paulo II rezou na Jordânia o seguinte: "São João Batista, proteja o Islã".

    Se o Papa aprovou, está aprovado. Há algum problema se eu me converter ao Islã e me casar com quatro mulheres?

    ResponderExcluir

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.