Afastai-vos de mim, vós que praticais a iniqüidade!

/
6 Comentários
Frei Clemente Rojão não é um teólogo, já perceberam. É apenas um homem que crê no velho ditado pão é pão, queijo é queijo, tapa é tapa e beijo é beijo. Ponha roupa de monge num macaco, ele será um macado ainda. Assim é o vício travestido de virtude! (Nada contra os macacos)

Ou autor do post replicado em A Alfandega do céu, em resposta ao seu comentário infeliz em E Quando amanhecer, tenta responder. Vamos lá dar seus minutos de fama


Frei, o senhor está igualando nossa viagem eterna como uma viagem ao exterior?

Igualando? Comparando. Não sabe que as realidades eternas, por serem além de nossa compreensão na carne são comparadas com as realidades terrenas? Que mal há em comparar? Jesus Cristo comparou várias vezes o reino de Deus respectivamente a:

- Massa de pão
- Grão de mostarda
- Uma rede de pesca
- Um rebanho de ovelhas
- Um tesouro enterrado
- Uma pérola
- um campo de trigo
- Um vinhedo
- Um banquete de bodas

Assim vai, há muito mais... E veja só, comparou a si mesmo no julgamento como um homem que viaja ao estrangeiro: 

E como estava perto de Jerusalém, alguns se persuadiam de que o Reino de Deus se havia de manifestar brevemente; ele acrescentou esta parábola: Um homem ilustre foi para um país distante, a fim de ser investido da realeza e depois regressar. (Lc 19,11-12)

Como queríamos demonstrar, já diziam os matemáticos




Francamente, se eu vivo a minha vida bitolado em descobrir o que haverá depois desta, estarei agindo por medo e não por conversão!


FELIZ, MIL VEZES FELIZ, O HOMEM "BITOLADO" NAS PALAVRAS DE NOSSO SENHOR JESUS CRISTO! SENHOR, QUE EU SEJA SEMPRE BITOLADO ASSIM!!!

Ah eh? Não é para ter medo? Então leia estas passagens:

Muitos me dirão naquele dia: Senhor, Senhor, não pregamos nós em vosso nome, e não foi em vosso nome que expulsamos os demônios e fizemos muitos milagres? E, no entanto, eu lhes direi: Nunca vos conheci. Retirai-vos de mim, operários maus! (Mt 7, 22-23)

Retirai-vos de mim, operários maus!!! Que o Senhor nos dê o mais profundo e sincero medo destas palavras!!! Ouça tudo e todas as repreensões, menos estas palavras do Senhor dirigidas a mim!

Ainda não se contenta? Então veja o próprio Jesus Cristo ensinando o verdadeiro medo que nos protege:

Mostrar-vos-ei a quem deveis temer: temei àquele que, depois de matar, tem poder de lançar no inferno; sim, eu vo-lo digo: temei a este. (Lc 12,5)

Quem pode lançar ao Inferno senão o Altíssimo? TEMEI A ESTE!!! Jesus ensina a temer a Deus

Também Isaías ensina as virtudes do temor a Deus:

Sobre ele repousará o Espírito do Senhor, Espírito de sabedoria e de entendimento, Espírito de prudência e de coragem, Espírito de ciência e de temor ao Senhor. (Sua alegria se encontrará no temor ao Senhor.) Ele não julgará pelas aparências, e não decidirá pelo que ouvir dizer; (Is 11.2-3) Teus dias estarão em segurança. A sabedoria e o conhecimento garantem a salvação, e o temor do Senhor será o seu tesouro. (IS 33,6) Por que, Senhor, desviar-nos para longe de vossos caminhos, por que tornar nossos corações insensíveis ao vosso temor? Voltai, por amor de vossos servos e das tribos de vossa herança! (Is 63,17)

TEMEI A DEUS! SIM, TEMEI! Temei o Inferno cuja lembrança é tão salutar que previne as almas de caírem nele! Ou dirás que evitar a ribanceira apenas por medo dela não é justo?! Tirai os alpendres das sacadas, que ninguem tenha mais medo das quedas! E não é um medo justo? Feliz o medo do Inferno, virtuoso o medo do Inferno, complemento da esperança! Enquanto a esperança nos puxa aos céus, o medo do Inferno nos empurra longe do mal.

Para essa "viagem" não se faz malas nem se tira passaporte, pois lá no céu só vai entrar que soube amar, esse é o verdadeiro passaporte, que não se tira, mas se pratica de coração!


Não precisa fazer as malas? Não precisa se preparar? Dá para entrar de qualquer jeito? Sinto muito, não é assim. Com a palavra, mais uma vez, o Verbo: 

O rei entrou para vê-los e viu ali um homem que não trazia a veste nupcial. Perguntou-lhe: Meu amigo, como entraste aqui, sem a veste nupcial? O homem não proferiu palavra alguma. Disse então o rei aos servos: Amarrai-lhe os pés e as mãos e lançai-o nas trevas exteriores. Ali haverá choro e ranger de dentes. (Mt 22,11-13)

Entrou um convidado sem se preparar, fora! Estava com a veste? Não? E ousas dizer que não é necessário se preparar? Quando o próprio Cristo lança na Geena quem não está preparado?

Quando ao blá blá blá demagógico de "Amor", direi "que Amor"? Há quem chame fornicar com desconhecidos de "fazer amor" com as mais esdrúxulas justificativas. Amor por amor, há amores desordenados que levam aos Inferno! O Amor ao Mundo, o Amor a si mesmo, o Amor ao Pecado... Como toda a natureza humana, a capacidade humana de amar também foir pervertida pelo pecado original. Amar? Amar não é meritório em si. A cidade dos homens também ama a si mesmo ao ponto do esquecimento de Deus! Amar as coisas erradas é ter o destino do errado, o fogo, fumo e enxofre: 
Retirai-vos de mim, operários maus!!!

Por que me chamais: Senhor, Senhor... e não fazeis o que digo? (Lc 3,46)


Você também pode gostar

6 comentários:

  1. NÃO DA BOLA PRA ISSO ROJÃO.... rsrsrsrs

    ResponderExcluir
  2. "Frei Clemente Rojão não é um teólogo, já perceberam"

    Como assim? Para ser padre tem que ter cursado as faculdades de Filosofia e Teologia.

    ResponderExcluir
  3. O medo excessivo que alguém tenha do inferno pode perdê-lo para o mesmo inferno. É o caso do escrupuloso.

    Além do mais, essa preparação pode se dar nos últimos instantes de existência (embora não seja o desejado) - vide o caso do Bom Ladrão, crucificado ao lado de Nosso Senhor.

    ResponderExcluir
  4. AUTOR DO "TÃO CITADO" COMENTÁRIO!!

    Desculpe, mas neste caso, seus argumentos não me convenceram... O senhor apenas usou O Verbo' de maneira totalmente fundamentalista para parecer autoridade...

    "Quando ao blá blá blá demagógico de "Amor", direi "que Amor"?"

    Me desculpe se não fui claro e pareceu que falava que citava o amor "Filéu" ou "Eros", mas é que realmente esta palavra já está muito desgastada. Estava me referindo ao amor de Deus, amor ágape, aquele amor ao qual Pedro foi indagado!

    "FELIZ, MIL VEZES FELIZ, O HOMEM "BITOLADO" NAS PALAVRAS DE NOSSO SENHOR JESUS CRISTO! SENHOR, QUE EU SEJA SEMPRE BITOLADO ASSIM!!!"

    Perdoe-me Frei, prefiro amar a Deus de maneira espontânea e procurar o Reino de maneira consciente, para que eu possa sentir o agir de Deus de maneira natural... Esse negócio de Bitolado em Nosso Senhor Jesus Cristo parece papo de xiralalalalala... rs (Aliás, como se diz Bitolado em Nosso Senhor Jesus Cristo em linguas estranhas??) rs

    Perdo-me o trocadilho, não quero que pareça falta de respeito, pq como o senhor mesmo nos ensinou, seja como for, o senhor é padre e por isso nós leigos temos que respeitá-lo!

    ResponderExcluir
  5. Nossa Frei, esse cara tá causando já!

    ResponderExcluir
  6. Anônimo, vai catar coquinho!

    ResponderExcluir

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.